Pesquisar neste blog

quinta-feira, 31 de outubro de 2013

Por Onde Ando: Julio C C Lima Jr.



Minha formação é designer e produtor de trade marketing. Trabalhei 17 anos com publicidade e comunicação no Rio Grande do Sul, certamente um dos mercados mais competitivos e acelerados do país. Tive a sorte de trabalhar com equipes sensacionais, conheci pessoas incríveis, desenvolvi projetos desafiadores para grandes contas, dos quais me orgulho. Mais que nada, eu aprendi muito nestes anos todos. Durante este tempo, fui aprendendo também a fazer ajustes entre a profissão e a vida pessoal - acreditando firmemente que um dia eu teria vida pessoal. Neste meio tempo fui professor da Unisinos durante 6 anos. Em 2012 uma antiga ideia se fez realidade: morar em Barcelona (cidade a qual me apaixonei ainda em 2010). Atualmente  trabalho em uma empresa de marketing digital, francesa, que tem sedes em 6 países Europeus e em 2 países do continente Americano. Sou responsável pelo desenvolvimento estratégico e gestão executiva do mercado brasileiro. Hoje já quase posso dizer que descobri como é sair do trabalho em um horário aceitável, poder sair para jantar e aproveitar a cidade. E finalmente, termino meu master em Marketing Web!





Blog – Do que mais gostas em Barcelona?

Julio - Viver em Barcelona é fantástico. É como se juntasse São Paulo e Rio de Janeiro, sendo que a cidade é da época do Império Romano. Tem uma arquitetura impressionante, importantes museus, uma quantidade enorme de bares e restaurantes, que são suficientes para deixar a qualquer um tonto. Sem falar nas praias do mediterrâneo de um azul turquesa encantador.  E, obviamente, a cultura catalã - que salvo algumas particularidades, parece muito com a gaúcha. 
Barcelona - Espanha



Blog – E do que menos gostas?

Julio – De não ver minha família tanto quanto gostaria. Também  sinto falta do churrasco, a carne não é como a do RS ou do Uruguai.



Blog – Que lembrança te marcou da rua onde crescestes?

Julio – Cresci na Rua Rui Barbosa. O fato mais marcante foi uma das enchentes em que, por um erro de cálculo, acabamos ficando presos no segundo piso da minha casa. Tudo passava boiando pela nossa frente, escutávamos os carros batendo nas paredes. 
Julio num momento relax



Blog – Do que sentes mais saudades de Pedro Osório?

Julio – Sinto saudades das pessoas que conheci, das quais crescemos juntos. Sinto saudades do Rio Piratini e do chimarrão em baixo da ponte. E, especialmente, da casa dos meus avós, no Cerrito, onde aos domingos o churrasco era motivo para ter a família reunida.



Blog – Que presente gostarias de dar para Pedro Osório?

Julio – Acredito que Pedro Osório sempre teve um frescor cultural bastante interessante e uma beleza natural estupenda. Aproveitando esses pontos fortes, eu gostaria de poder gerar novos postos de trabalho para a comunidade, de forma sustentável e abrangente. Uma empresa que pudesse investir na cidade tanto na parte social quanto nas belezas naturais da região.  



Nenhum comentário:

Postar um comentário