Pesquisar neste blog

quarta-feira, 11 de fevereiro de 2015

Trecho de "Memórias..."




Perto da meia-noite alguém chegava à porta e  

 gritava o mais alto que podia para se fazer ouvir 

diante de tanta algazarra. 

(...)


Entrávamos na grande sala correndo e nos

 esparramávamos pelos sofás, no colo dos adultos, 

nos tapetes e almofadas pelo chão. Uma poltrona 

de veludo vermelho era colocada próxima à 

lareira enfeitada com fitas verdes e bolas coloridas. A expectativa era grande. Alguns dos pequeninos riam nervosos, outros já ensaiavam um choramingo assustado, mas ninguém arredava os olhos da cadeira vermelha. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário